BRANDING. A metodologia Brandtech: propósito e crescimento acelerado

Conheça a metodologia desenvolvida pela GH Branding que une os conceitos de branding e tecnologia para a estruturação de negócios a partir de propósito e entenda como ela pode ser importante para o crescimento acelerado em um mundo de constantes transformações.

Sabe aquela sensação de que tudo muda rapidamente a todo o instante e que você e sua empresa precisam estar atentos e em processo de adaptação constante para sobreviver a um mercado tão incerto e competitivo?

Vivemos, mais do que nunca, no VUCA World, onde a capacidade de se adaptar, tendo como base as contínuas transformações de um mundo e de um ambiente de negócios extremamente volátil, incerto, complexo e ambíguo, é sinônimo de crescimento. Novas tecnologias, novos concorrentes, novos públicos, novos serviços, usuários mais informados e conscientes, entre tantos outros aspectos que impactam diretamente a maneira que administramos, fazemos e criamos empresas atualmente. 

Como manter seu negócio relevante e funcionando de maneira saudável em meio à tantas transformações? Esse é um desafio que a metodologia de Brandtech ajuda os negócios a enfrentarem. 

COMO FUNCIONA A METODOLOGIA BRANDTECH

O termo Brandtech foi criado a partir da união dos conceitos e palavras Branding e Tecnologia  (Brand = marca, tech = tecnologia) e explica a forma como algumas startups formulam os seus negócios baseadas na tecnologia. Este modelo é utilizado na China e Vale do Silício, mas se apresenta, cada vez mais, como uma forte tendência em empresas que atuam no Brasil. 

Leia: Brandtech a origem

A metodologia das brandtechs é uma nova forma de configurar e pensar em negócios no atual momento de transformação digital que estamos vivendo, onde o valor de marca, cada vez mais, é considerado um forte valor de ativo. Antes desta transformação, os setores de marketing e tecnologia eram totalmente divididos e independentes. Atualmente, entende-se que um retroalimenta o outro e que eles estão fortemente unidos por outras duas novas áreas: Growth e Customer Experience. 

A área de Growth é responsável por pensar e realizar ações e testes de marketing orientado por experiências utilizando-se da tecnologia. É parte fundamental da metodologia das brandtechs pois permite que, de forma rápida, se obtenha insights de novos produtos e serviços, um maior conhecimento do comportamento e desejo dos clientes, realização de experimentos e testes, entre outros fatores que agilizam os processos de inteligência de mercado e ações de marketing. 

Já a área de Customer Experience une o marketing e a tecnologia no intuito de desenvolver as melhores experiências, seja na usabilidade de plataformas ou conexão emocional, narrativas e pontos de contato entre o seu cliente e a sua marca, trabalhando a satisfação em processos técnicos e conexão emocional baseada no seu propósito de marca.

A importância da união destes setores é visivelmente perceptível para o desenvolvimento e construção de uma marca forte. Empresas que definir com clareza o seu propósito e unem a construção de marca com a aplicação de tecnologia na prática diária são perfeitos exemplos de brandtechs. 

Leia: O que o brandtech tem a ver com o posicionamento da sua marca?

A IMPORTÂNCIA DE TER UM PROPÓSITO BEM DEFINIDO NA METODOLOGIA DE BRANDTECH

Se você ficou interessado nesta metodologia de negócio, deve estar se perguntando: Por onde eu começo? Qual o primeiro passo devo dar? 

Segundo Tiago Oliveira, COO da GH, ”O segredo para a implementação da metodologia de brandtech é que todas as áreas devem estar norteadas pelo propósito da marca.” Isso porque com um propósito claro e bem definido todas as áreas conseguem trabalhar com mais sinergia visando o mesmo foco, ou seja, o propósito de existência do negócio. Ele ainda complementa, “Todas as estratégias são traçadas obrigatoriamente interligando todas essas áreas que a metodologia da brandtech prevê, caso contrário não funciona. Para que cada área de seu máximo é necessário um propósito muito verdadeiro e inspirador, combinado com metodologias ágeis de trabalho.” 

A partir do momento que você consegue integrar a gestão por propósito em sua empresa, o universo brandtech começa a ficar muito mais natural dentro do dia a dia no trabalho dos times. 

Com isso, é possível perceber que um negócio tem que estar firme em seu propósito tendo como base a tecnologia. Com os olhos voltados ao mercado e aos desejos do seu cliente, a área do Customer Experience obtém informações sobre tendências e novos comportamentos. A área de Growth busca novos espaços, insights de mercado e visa o desenvolvimento de novos produtos. Estas informações são passadas para o setor de vendas e o marketing começa a pensar na produção de mensagens e posicionamentos que estejam alinhados a todas estas questões e ao propósito da marca. 

Outro fator importante para levar em consideração na hora de implementar essa metodologia é o mindset da empresa e de seus colaboradores com relação à tecnologia. A empresa precisa ter o desejo de tecnologia e inovação, pois este é um dos princípios fundamentais das brandtechs. Para o COO da GH, Tiago Oliveira: “Ainda existem muitas barreiras nas organizações, principalmente as mais antigas, e as novas, que já nasceram em um novo contexto, estão vindo com tudo, atropelando as antigas com modos de pensar de growth hackers (encontrando atalhos para o crescimento)”. Portanto, o anseio pelo mentalidade de inovação em função do propósito, precisa ser o core da empresa.

BRANDTECH E CRESCIMENTO ACELERADO

Alinhando o propósito de sua empresa à metodologia das brandtechs, você precisa achar seu ponto de equilíbrio em relação ao investimento em branding e performance do seu segmento. Não existe uma regra, tudo parte do princípio da experimentação e realização de testes para compreender qual deles trará os melhores e mais rápidos resultados. O ideal é que todas as ações de comunicação e marketing do seu negócio, sejam elas de curto, médio ou longo prazo, tenham objetivos definidos e que entendam e levem em conta tanto as ações de branding quanto às ações de investimentos em performance. 

Leia: Brandtech: a metodologia certa para crescer negócios

Esperamos que este conteúdo tenha ajudado (e encorajado) você se aventurar pelo universo das brandtechs. Se tiver algum comentário, dúvida ou sugestão deixe o seu comentário ou nos mande um direct!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like